Thiago Braz permanecerá treinando na Itália para os Jogos Olímpicos em Tóquio

Após sua participação no maior encontro indoor de atletismo do mundo, o Istaf Indoor, em Berlim, no dia 14 de fevereiro, Thiago Braz decidiu que ficará na Itália. O atleta viria ao Brasil, mas resolveu com seus treinadores que permanecerá no país e continuará seu treinamento para as Olimpíadas de 2020, em Tóquio.

Nesta temporada de saltos, Thiago Braz participou da Perche Elite Tour, no dia 8 de fevereiro e do Istaf Indoor Berlin, no dia 14. Por orientação de seus treinadores Elson Miranda e Vitaly Petrov, o atleta tomou a decisão de não participar do indoor em Lievin (19) e da competição de Clermont-Ferrand (23), ambos na França.

O conselho veio de Vitaly Petrov e Elson Miranda, que instruíram o atleta para dar continuação aos treinos intensos, para que possam acompanhar de perto a evolução e preparação de seus saltos.

“Optamos por perpetuar o treinamento vigoroso que estamos fazendo com o Thiago. Também queremos estar por perto, observando cada atividade e evolução que ele experienciar, para mantermos o nível de intensidade. Nosso foco é chegar nas Olimpíadas de Tóquio 100% preparados”, explicou Vitaly Petrov.