Colaboradores passam por treinamento de primeiros socorros no INJR

Estar preparado para agir em diferentes situações do dia a dia é extremamente importante em um ambiente onde o público alvo de atendimento são crianças e jovens. Prezando sempre pela prevenção de acidentes e na execução do protocolo do Espaço Saúde, os colaboradores do Instituto Projeto Neymar Jr. passaram por um treinamento básico de primeiros socorros.

Com o objetivo de reforçar o protocolo de atendimento de primeiros socorros do INJR, os departamentos de Segurança do Trabalho e de Saúde reuniram os profissionais do projeto social no auditório para uma palestra. A intenção foi passar o mínimo de conhecimento para que todos que estejam presenciando uma situação de acidente possam agir, como conta Joseildo João dos Santos, Técnico de Segurança do Trabalho do Instituto.

“Os funcionários foram bem receptivos ao treinamento, demonstraram bastante interesse e entendimento sobre o assunto. Para o Instituto esse treinamento é muito importante para fazer com que todos os funcionários que atuam de maneira direta ou indireta com os alunos, familiares e colaboradores, consigam proteger fisicamente nosso público e principalmente prevenir situações de risco ou de ameaça de lesões físicas”, explicou.

Sérgio Teixeira, educador físico do INJR, participou ativamente da palestra com perguntas e observações sobre as situações demonstradas pela equipe. Ele deu sua opinião sobre a importância da realização desse treinamento para os colaboradores. “É importante porque no dia a dia as crianças praticam muitas atividades físicas que tem impacto e podem se machucar e nós colaboradores precisamos saber o passo a passo de como proceder em determinada situação. O método que a equipe médica utilizou foi de fácil entendimento e as situações que eles trouxeram muitos de nós não conheciam e então fico mais claro como agir. Sem contar que foi um momento de união para falarmos a mesma linguagem e focar no nosso público que são as crianças e seus familiares.”

Muitos dos profissionais que trabalham no Instituto já tinham conhecimento dos assuntos abordados no treinamento, como o inspetor de alunos Mauro Meira, mas ele fala que foi essencial participar da ação promovida pelo INJR, já que conhecimento novo sempre é bom.

“Eu achei muito bacana porque eu já fiz curso de primeiros socorros, mas o que a Gil, enfermeira do Instituto, passou para a gente foi muito interessante como, por exemplo, a diferença entre urgência e emergência. Aprendi também sobre como proceder em caso de convulsão e parada cardíaca. Toda essa orientação que recebemos vai nos dar mais segurança para trabalhar e qual é o nosso papel em determinadas situações, principalmente para acalmar a pessoa que está passando por esse momento até chegar o atendimento médico e tomar conta da situação”, finalizou.